Porque aplicar queratina nos cabelos?

 Porque os  cabelo são  constituídso em grande parte pela queratina.

A queratina faz parte de 85%  da estrutura do fio  e

confere aos cabelos, características de:

 resistência, elasticidade e impermeabilidade à água.

 O cabelo é constituido em grande parte pela queratina, mas também contém outras substâncias.

1.     Quando aplicar queratina nos fios

  •  Sempre que houver dano estrutural

2.     O que o dano acarreta na queratina que forma o fio?

  • Com as atividades, agreções diárias como pentear, prender, colorir, descolorir, entre outros acarreta desgaste das cutículas   que  desencadeiam o enfraquecimento da região interna dos fios  onde são encontradas as estruturas moleculares da queratina.  “verdadeiras torres de sustentação” do fio de cabelo.

3.     O que é a queratina?

  •  A queratina é uma proteína produzida naturalmente pelo organismo como o colágeno e a elastina, estas são formados por mais ou menos 20 aminoácidos e alguns são fornecidos pelo próprio organismo,  outros necessitam ser ingeridos.  E através da corrente sanguínea chegam a papila dérmica e  lá começam a juntar - se e dão inicio a proteína queratina que forma o fio e também as unhas e a pele.
  • Mas a queratina que esta sobre o fio, ou seja, já é uma queratina morta, porém necessita ser reparada sempre, com outras queratinas produzidas através de laboratórios. Que atualmente são quase que idênticas a natural. Chamadas também Biomimética por serem quase que idênticas a natural.

4.     Existem tipos diferentes de queratinas?  Quais?

  •  Sim!

Hidrolisada: Ocorre através de processo industrial, dissolvida em água, ocorrendo a quebra de ligações.

  •  Indicada no tratamento de cabelos danificados, pois aumenta a concentração do aminoácido cistina que  faz parte do fio de cabelo  e é grande responsável pela forma , resistência.  Também contribui para fortalecer a parte hídrica dos fios; restaurando o brilho, maciez e facilidade para pentear.
  •  Importante para o reparo de agressões decorrentes de processos químicos (descolorações, colorações entre outras, processos físicos ( pentear, escovar, prender e todo tipo de tensão que se submete os fios),  entre outros agentes naturais, sol, mar e poeira.

  Quaternizada:  Catiônica (carga positiva) adere com facilidade na cutícula que tem carga negativa (recuperando as regiões externas danificadas> “como se fosse um remendo no asfalto”. Este tipo de produto pode  com o tempo sobrecarregar  o fio e o aspecto não será dos mais desejados.  Portanto o diagnostico é a melhor indicação antes de optar por ela ou qualquer uma das outras.

 Vegetal: Com peso molecular baixo. É extraída através da hidrolise de trigo, soja e milho, que a partir destes elementos subtraí- se aminoácidos  que compões a mesma formação da queratina animal.

  •  Este tipo de queratina penetra no interior dos fios auxiliando na hidratação e  diferente das outras não faz camada externa e portanto não deixa os fios com o aspecto pesado e enrijecido.

5.     Aminoácidos que compõem a queratina:

  •  Ácido aspártico 8,92;  Leucina 4,92, Tirosina 2,44,    Iso-Leucina 2,22, Fenilalanina 4,04, ,  Metionina 0,88, Hidroxilisina 0,00],  Valina 2,71, Ornitina 0,00 , Alanina 1,84, Lisina 3,45 , Glicina 2,76, Histidina 1,46,  Prolina 10,39, Arginina 17,99 , Ácido Glutâmico 29,80, Triptofano 0,00,  Serina 3,98, Cistina 0,40 , Treonina 1,81, Hidroxiprolina 0,00

6.     Aplicar queratina deixa os cabeludos enrijecidos?

  •  Tudo dependerá do diagnóstico (  da necessidade dos fios (grau de dano) e do tipo de queratina.

7.     Quando aplicar a queratina?

  •  Se for observado algum tipo de dano na estrutura externa dos fios (cutícula) é importante aplicar queratina para preenchimento de regiões danificadas.

Antes e após de processos de:

  •  Alisamento
  •  Descoloração
  •  Relaxamento,
  •  Escovas progressivas
  •  Tratamentos Reconstrução, nutrição  hidratação

8.     A queratina deve ser aplicada e na sequência  deve ser aplicada a chapinha

  •   Dependerá de como  é a indicação do fabricante da queratina e de como este produto se apresenta ( leave-in, reconstrutor entre outros;
  • Em casos em que já se observe através do diagnóstico que o cabelo após tratamentos de hidratação, reconstrução não vem “respondendo” pode-se aplicar  o produto como tratamento e na sequência a chapinha, porém os cabelos jamais  devem estar muito molhados, apenas umedecidos pelo produto. Para evitar a formação de bolhas de ar no interior dos fios que podem ocasionar  a quebra posterior

9.     Os cabelos naturais podem receber “doses” de queratina?

  • Sim eles podem, pois mesmo os cabelos naturais sofrem o atrito diário de pentear, algumas vezes prender,  ou mesmo os agentes naturais que podem  sutilmente acarretar danos, porém a aplicação deste tipo de substância deve ser com muita cautela e com intervalos  bem espaçados.  Apenas como manutenção.

10.   Quais maneiras podem ser aplicadas  a queratina nos fios.

  • Isto irá variar conforme o fabricante, pois a queratina pode ser encontrada dentro de produtos para finalização, máscaras de tratamento, shampoos, ou mesmo em embalagem sem outras misturas como um reconstrutor e poderá ser aplicado diretamente nos fios sem a necessidade de removê-la no mesmo dia.

11.   Passo a passo para cauterização

  •   Lavar os cabelos com shampoo adequado ao fio, reaplicar se necessário e remover,
  •   Retirar  o excesso de umidade com toalha ou secador .
  •   Aplicar a queratina com pincel ou caso a queratina seja líquida, borrifar nos fios,
  •   Após finalizar a aplicação da queratina, pausar alguns minutos,

Observação: caso o desejo seja aplicar a chapinha, antes aplicar sobre os fios um leave-in protetor térmico. 

Caso na formulação da queratina contenha proteção  ignorar a indicação de leave-in.

  •  Passar a chapinha em torno de 3 vezes em cada mechas  ( as mesmas  não devem ser de espessura  muito fina).
  •  Após aplicar a chapinha, aguardar até o esfriamento dos fios  e levar ao lavatório, molhar e aplicar máscara de tratamento deixando o tempo de pausa conforme indicação do fabricante. Remover completamente.
  • Retirar a umidade com auxílio de toalha e na sequencia aplicar leave-in e modelar conforme desejo da cliente.


Dica Bellkey Professional

Cláudia Barboza

24/ 06/2019

Ainda precisa de ajuda? Contate Contate